FRENTE DO IDOSO REALIZOU DIÁLOGO EM DEFESA DOS GRUPOS DE CONVIVÊNCIA DA FASC

Na última sexta-feira (27), a Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa, presidida pelo vereador Alvoni Medina, promoveu um diálogo em defesa dos grupos de convivência e serviços da Fundação de Assistência Social e Cidadania (Fasc). A reunião contou com cerca de 130 pessoas, entre servidores da fundação, participantes dos grupos e sociedade civil em geral, onde ampliaram o debate, resgatando a importância da fundação.

Procurado por representantes dos grupos de convivência, sobre a possível extinção da fundação, o presidente da Frente, vereador Alvoni Medina, achou importante trazer esse diálogo para dentro da Frente Parlamentar e para esta Casa Legislativa.

Para Medina, vale ressaltar que a Fasc é o órgão gestor da política de assistência social em Porto Alegre, responsável pela execução do sistema único de assistência social (SUS) e não deve ser extinto.

“A sua extinção significa a falta do comando único na política de assistência social e consequentemente a transferência da responsabilidade estatal para sociedade civil, que vem desempenhando um papel fundamental na garantia dos direitos humanos.”, afirmou o presidente da Frente.

Isso (a extinção) afetará diretamente os grupos de convivência ligados a fundação, que atualmente são mais de 40 grupos, com a participação de mais de 1.300 idosos semanalmente. Além dos 380 idosos que estão em instituições de longa permanência.

DSC_0122

Foto: Roberta Brum

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s